Viciado em nudes? Eu também, conhece algumas dicas para descobrir o teu!

Os lábios têm muitas vezes um lugar de destaque na maquilhagem e devem ser tratados com a importância que merecem.

Enquanto maquilhadora, é comum ver as minhas clientes confundir nude com «lábio quase sem cor» o que na minha opinião está longe de ser uma coisa bonita.

Tal como os vermelhos, aqui seguimos o mesmo raciocínio de uma cor diferente para pessoas com tonalidades diferentes.

É comum os clientes falarem exaustivamente das roupas que vão vestir quando estamos a falar de maquilhagem, mas o nosso foco passa na maioria das vezes pela tonalidade da pele, olhos e cabelo (havendo excepções).

Numa pele clara ou numa pele escura iremos escolher o mesmo nude? Seguramente que não, por isso outro comentário frequente é, fica tão bem na minha amiga e em mim não gosto de ver.

O nude que assenta melhor é por norma o tom entre a cor do lábio e a cor da pele.

Em peles mais claras iremos escolher por exemplo, nudes rosados ou pêssegos claros, e em peles mais morenas nudes mais acastanhados.


É normal ver as clientes ficarem surpreendidas quando percebem que o tom que escolhemos é um pouco mais escuro do que em principio escolheriam.

O segredo? É estar atenta a cor do nosso lábio e da nossa pele é isso que vai determinar a escolha certa. Nem sempre vai a primeira, é continuar a experimentar até acertarmos na nossa cor!


Alguns dos mais famosos nudes são o Velvet Teddy, Creme D´Nude, Angel e o Twig da Mac.

V.

203 visualizações0 comentário